Que tal fazer um passeio de escuna em Santos? Saiba como funciona!

20

abr
2018

Que tal fazer um passeio de escuna em Santos? Saiba como funciona!

Posted By : Redação/ 765 0

Não há nada mais prazeroso no litoral do que sentir o vento refrescante no rosto, o cheiro e o balanço do oceano e, ainda por cima, desapegar um pouco da terra firme, ver os prédios ficando cada vez menores, intensificando o contato com a natureza. O passeio de escuna em Santos é uma dessas rotas de fuga no Litoral Paulista.

Chegando na escuna?

Conhece minimamente a cidade de Santos? Se sim, já sabe que não há erro nenhum em alcançar o local exato do embarque, que fica bem em frente ao Clube de Regatas Saldanha da Gama; ali mesmo, em frente ao canal que se forma na entrada dos navios para o porto.

Para quem não conhece, vamos lá: Você só precisa alcançar a praia, se estiver hospedado entre o canal um e o seis, e virar à esquerda, seguindo a avenida da praia, que vai mudando de nome de acordo com os canais por onde você vai passando. Para quem está na altura do canal sete, o certo é virar à direita e seguir por poucos metros até encontrar o clube Saldanha da Gama, referência mais impactante.

São inúmeros os ônibus que passam ali pela praia, é só pegar aqueles que aparecem com a inscrição “Ferry Boat” no letreiro, ou parar os ônibus e perguntar,  sem medo. Caso queira garantir, uma rápida pesquisa na internet resolve a situação: http://www.cetsantos.com.br/cet_interna.asp?arqui=transportes/linhas_coletivas.htm&secao=transportes

Se a ideia é jogar no Uber, Waze ou algum app do tipo, o endereço exato é Ponte Edgard Perdigão, Píer da Ponta da Praia, Av. Saldanha da Gama, sem número.

Passeios de escunas em Santos

As anfitriãs Gênesis (Moderninha) e Lady Linda (Old School) são aquelas que recebem o público durante o ano inteiro para conhecer a baía de Santos , Guarujá e São Vicente.

O roteiro conta com passagens bem em frente da Fortaleza da Barra, elegante forte branco datado do final do século XVI, da Praia do Góes, um bairro residencial de pescadores, do Cheira Limão e Sangava, pequenas prainhas do Guarujá e, por fim, na Ilha das Palmas, tradicional clube na Baixada Santista.

Depois deste trajeto pela costa da Ilha do Santo Amaro, a embarcação volta e faz uma pequena incursão no canal do porto, que recebe transatlânticos e navios imensos todos os dias. A sensação de passar bem próximo ao casco deles é incrível, pode acreditar.

Os “rolês” de escuna saem sempre aos sábados, domingos e feriados, de duas em duas horas depois das 10H  até às 16H. Durante o verão, ainda há um passeio das 18h, ideal para quem quer apreciar o início do pôr do sol direto do mar (inesquecível).

Ah! O verão é sempre uma maravilha. É durante essa temporada que é possível fechar grupos para passeios de 3h45, saindo 9h50 ou 13h50. Além dos pontos já citados, podemos incluir o Saco do Major, já depois da curva da Ilha de Santo Amaro, com uma paradinha para mergulho, a Praia do Guaiúba e a Ilha do Mato. Depois disso, a embarcação cruza toda a orla até o Ilha Porchat, em São Vicente, para fazer o caminho de volta.

Turmas de universidades, ou grupos profissionais interessados em voltas exclusivas nas escunas para conhecimentos técnicos  em áreas relacionadas, como logística e comércio exterior, devem entrar em contato com a organizadora para elaborar os roteiros que vêm mais a calhar com os objetos de estudo.

Para ficar por dentro de todas as informações necessárias para planejar o seu passeio de escuna em Santos, é só visitar o portal: http://passeiodeescuna.com/.

Leave your comment

Please enter comment.
Please enter your name.
Please enter your email address.
Please enter a valid email address.